< id="top" class="post-template-default single single-post postid-2976 single-format-standard">

São Félix do Araguaia/MT - Hoje é 22 de Janeiro de 2022

"O Progresso Continua" ADM: 2021 - 2024

Prefeitura realiza Audiência pública para tratar sobre a distribuição de água, novas tarifas e questões inerentes ao sistema de abastecimento.

Com o intuído de discutir a viabilidade da hidrometrização da água em São Félix do Araguaia- MT , o  DAE – Departamento de Água e Esgoto realizou audiência pública na Câmara Municipal de Vereadores, na ultima quarta feira dia 8. Participaram da audiência o  Diretor Paulo Henrique Souza Menezes e servidores do DAE, a Prefeita Janailza Taveira Leite, o Presidente da Câmara Antônio Augusto Miranda, Promotor de Justiça da cidade Dr Emanuel Filartiga Escalante Ribeiro, Secretários, Vereadores, População e o Engenheiro Sanitarista da UFMT  responsável pela elaboração do projeto de saneamento básico no município de São Félix do Araguaia Sr. José Álvaro, em sua fala o engenheiro sanitarista expôs a  real situação do DAE  que arrecada menos do que gasta,   o engenheiro relatou os vazamentos na encanação da cidade devido o desgaste da ETA que já está muito danificado.

 Já o Diretor do DAE, Paulo Henrique Souza Menezes garante que o problema de falta de água nos bairros acabará a partir da instalação dos hidrômetros  porque Departamento de Água e Esgoto trabalhará mais folgado no abastecimento para as residências sem forçar as bombas. Os exemplos foram apresentados no telão e todos puderam acompanhar.

Ficou decidido por parte da prefeitura que caso não seja elaborado um novo projeto de lei as tarifas de água serão reajustadas conforme a lei nº 533/2005 de 13 de Dezembro de 2005. Alem do mais na audiência ficou explicado a questão da hidrometização a qual esta sujeita a ser implantada dentro de um ano após decisão judicial já transitada e julgada conforme autos do processo 56323/2015.

A prefeita Janailza Taveira Leite relatou que o Departamento de Água e Esgoto está em estado precário, sucateado e precisa urgentemente de reformas e que o dinheiro que se gasta nele por ano poderia está sendo investido em outras áreas como educação, saúde e bem estar. Com a instalação dos hidrômetros  nas residências e comércios da cidade e aumento da tarifa de água as coisas tendem a melhorar no Departamento de Água e Esgoto, pediu ainda que a população colabore com o DAE no sentido de economizar água.