< id="top" class="post-template-default single single-post postid-14325 single-format-standard">

São Félix do Araguaia/MT - Hoje é 07 de Dezembro de 2021

"O Progresso Continua" ADM: 2021 - 2024

Campanha Setembro Amarelo nas escolas em São Félix do Araguaia – MT

Aproveitando a volta das aulas nas Escolas Estaduais pós Pandemia, foi dado inícioao Programa Saúde na Escola – PSE no Mês de Setembro, sendo trabalhado o Tema Setembro Amarelo – Prevenção ao Suicídio, com o intuito de informar e prevenir sobre o Suicídio com o foco na Valorização da Vida. As Atividades foram realizadas pelos Psicólogos do Município de São Félix do Araguaia, com a supervisão da Coordenadora do PSE (Programa Saúde na Escola) a Nutricionista Taynara Vieira.

O PSE é um programa voltado às políticas de Saúde e Educação da criança, adolescente, jovens e adultos da Educação Pública Brasileira. É uma união intersetorial das redes públicas de Saúde e Educação e das demais redes Sociais para o desenvolvimento de Ações do PSE que transmite mais do que ofertas de serviços em um só território. O PSE é uma estratégia de integração da saúde e educação para o desenvolvimento da cidadania e da qualificação das políticas públicas brasileiras.

As atividades ocorrerem no período matutino e vespertino, durante o mês de setembro na metodologia de Oficina realizada pelos psicólogos do município: LucianaNasciutti Curado, Junio de Souza Alves, Zali Santos Ferreira, Maíra Gross Milhomem, Edilene Silva de Siqueira, na Escola Municipal Alberto Nunes da Silveira (de forma remota), Escola Estadual Prof Hilda Rocha, Escola Estadual Severiano Neves e Escola Estadual Tancredo de Almeida Neves.

Objetivos específicos:

Promover a conscientização sobre a prevenção ao suicídio e valorização da vida;

Desenvolver atividades de acolhimento, de sensibilização, de autoconhecimento e de percepção e respeito ao outro;

Estimular o diálogo e a continuidade de ações sobre a valorização da vida e a prevenção ao suicídio.

Mitos e Verdades:

MITO: Não devemos falar sobre suicídio, pois isso pode aumentar o risco.

VERDADE: Falar sobre suicídio não aumenta o risco. Muito pelo contrário, falar com alguém sobre o assunto pode aliviar a angústia e a tensão que esses pensamentos trazem.

MITO: Quando um indivíduo mostra sinais de melhora ou sobrevive à uma tentativa de suicídio, está fora de perigo.

VERDADE: Um dos períodos mais perigosos é quando se está melhorando da crise que motivou a tentativa, ou quando a pessoa ainda está no hospital, na sequência de uma tentativa. A semana que se segue à alta do hospital é um período durante o qual a pessoa está particularmente fragilizada. Como um preditor do comportamento futuro é o comportamento passado, a pessoa suicida muitas vezes continua em alto risco.

MITO: O suicídio só acontece “àqueles outros tipos de pessoas,” não a nós.

VERDADE: O suicídio pode acontecer com qualquer pessoa que se encontra em todos os tipos de sistemas sociais e de familiares. Por isso, é fundamental investir em prevenção e identificar situações possíveis de vulnerabilidade, investindo em tratamentos precoces.

MITO: Após uma pessoa tentar cometer suicídio uma vez, nunca voltará a tentar novamente.

VERDADE:As tentativas de suicídio são mais prevalentes quando há tentativas de suicídio anteriores, por isso as pessoas que efetuaram essas tentativas necessitam de avaliação cuidadosa, juntamente ao tratamento e acompanhamento regular através de contato telefônico, visita domiciliar ou estratégias de cuidado permanentes.

ONDE PROCURAR AJUDA?

  • CVV (Centro de Valorização da Vida)

TEL: 188

  • CAPS – Psicóloga Edilene Silva de Sirqueira.

End: Av. Dão Pedro Casaldálica. Ao lado do PSF Rural.

  • CENTRO DE DIAGNÓSTICO – Psicóloga Luciana Nasciutti Curado

TEL: (66) 98401 4648

  • CRAS – Psicóloga Zali Santos Ferreira

TEL:(66) 98431 4944

  • CREAS – Psicólogo Junio Souza Alves

TEL:(66) 3522 – 2010

  • SECRETARIA DE EDUCAÇÃO– Psicóloga Maíra Milhomem

TEL: (66) 98412 7798

  • ZONA RURAL – Psicóloga Coraci Dias de Souza –

Obs: Procurar PSF dos Distritos